Sindicato será multado se negar gratuidade nos ônibus para policiais

Foto: Reprodução / G1
Foto: Reprodução / G1

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Multa diária de R$ 10 mil. Este é o valor que o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Setps) deverá pagar se descumprir a medida cautelar do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) divulgada no último dia 22, que mantém a gratuidade do transporte coletivo de Salvador para os policiais civis e militares.

O valor da multa foi determinado nesta quinta-feira (6) após a Procuradoria Geral do Estado da Bahia (PGE) informar ao Tribunal que o Setps estaria descumprindo a decisão de manter a gratuidade.