Tarifa de transporte rodoviário também terá reajuste

Embarque de Passageiros na Estação Rodoviária de Salvador (Foto: Robson Mendes / AGECOM)
Embarque de Passageiros na Estação Rodoviária de Salvador (Foto: Robson Mendes / AGECOM)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

De acordo com a resolução da ANTT, os novos valores das tarifa de transporte rodoviário, que deverão aumentar em 7,7%,  serão aplicados sob a justificativa de “manter o equilíbrio econômico-financeiro das permissionárias (empresas que possuem permissão ou licença, autorizadas pela justiça) e autorizatárias (empresas autorizadas pela ANTT a prestar temporariamente o serviço, ainda que sem a realização de processo licitatório) desse tipo de transporte. O reajuste não será aplicado para transportes rodoviário interestadual e internacional semiurbano. Nesse caso, as tarifas são determinadas de forma diferenciada por meio de ato específico.

Para definir os novos valores, a agência adotou coeficientes tarifários máximos a partir de cálculos que levam em consideração elementos como itens de custos (instalações, equipamentos, pessoal, depreciação de material, remuneração de capital, combustíveis, lubrificantes, pneus, peças, acessórios e administração), parâmetros operacionais (percurso médio anual, índice de aproveitamento, lotação média da frota e fator redutor de encomendas) e adicionais de incidente (tributos, seguros, gratuidades instituídas por lei).

Embarque de Passageiros na Estação Rodoviária de Salvador (Foto: Robson Mendes / AGECOM)
Embarque de Passageiros na Estação Rodoviária de Salvador (Foto: Robson Mendes / AGECOM)