UCSal e Ministério Público da Bahia firmam parceria com finalidade acadêmica

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

A Universidade Católica do Salvador (UCSal) e o Ministério Público da Bahia (MP-BA) firmaram um termo de cooperação técnica para permitir troca de informações e diagnósticos com foco na área de direitos humanos e no cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) e Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU).

A solenidade de celebração entre a UCSal, representada pelo Reitor Pe. Mauricio Ferreira e o Ministério Público da Bahia, pelo Procurador-Geral de Justiça Márcio Fahel aconteceu no gabinete do Procurador-geral e contou com a presença do chefe de gabinete da reitoria da UCSal, André Ramos; a Professora Dra. Vanessa Cavalcanti (UCSal); o promotor de Justiça e Coordenador do Centro de Apoio Operacional de Defesa dos Direitos Humanos (Caodh), Clodoaldo Anunciação. Para Márcio “Celebrar essa parceria com a UCSal representa uma oportunidade para o MP interagir ainda mais com a sociedade”.

Durante cinco anos serão desenvolvidas reuniões, palestras, eventos, pesquisas e publicações acadêmicas, com o intuito de discutir e produzir conhecimento nas áreas de Direitos Humanos, Cidadania e Meio Ambiente. Cabe ao MP-BA disponibilizar à UCSal relatórios, diagnósticos e imagens para fins acadêmicos, notadamente para a realização de trabalhos de conclusão de cursos; produção de artigos; livros e pesquisa em geral; permitir a participação de docentes e discentes nas atividades de execução; avaliação e divulgação dos resultados dos programas e projetos executados em parceria, dentre outras ações.

Já a UCSal, cabe, entre outras coisas, elaborar projetos de intervenção e estender ações de projetos existentes na universidade junto às comunidades visitadas e, acompanhar o MP-BA nas visitas às unidades escolares e de saúde com periodicidade compatível com a realidade de condições técnicas e materiais na unidade instalada no campus da instituição, através dos docentes e discentes da Universidade.