Vitória enfrenta o Ceará em seu último jogo no Barradão neste ano

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

O Vitória faz neste sábado (14), às 16h30, contra o Ceará, seu último jogo no Barradão nesta temporada, pois vai mandar na Fonte Nova o duelo com o Luverdense, na próxima semana, pela penúltima rodada da Série B. Digno de uma dramaturgia, o Manoel Barradas encarou todas as emoções possíveis em 2015: decepções, abandono, renúncia, confusão, emoção e algumas promessas de dias melhores. Agora, como toda novela, depois de o mocinho levar porrada durante toda a trama, chegou a hora do final feliz com um triunfo que pode deixar o Leão bem próximo do tão sonhado acesso à Primeira Divisão.

Neste ano, o Vitória atuou em seu estádio em 26 capítulos. O aproveitamento não foi ruim, mas está longe de ser o ideal para uma equipe que sempre mandou no seu terreiro: foram 13 vitórias, 9 empates e quatro derrotas. Um rendimento de 65%. Pensando no duelo deste sábado como decisivo, é bom o time mudar o roteiro de um ano difícil. Os quatro tropeços no templo rubro-negro tiveram um toque de decepção e vergonha. Os empates também não foram bem digeridos.

Com tanto choro no primeiro semestre, a torcida deu o troco nas bilheterias. Mesmo com o Leão vivendo dias melhores com a chegada do técnico Vagner Mancini, a audiência do Barradão estava baixa e o torcedor abandonou sua paixão, ou pelo menos boa parte dela. Mesmo com triunfos convincentes na sua casa, como 4 a 1 no Ba-Vi, a média de público do Vitória não passou de 7.909, por jogo.

A presença abaixo do normal fez a diretoria transformar a novela em triângulo amoroso. O Leão se reaproximou da Fonte Nova. Pior: parecia contente com a mudança. Nos três jogos na ‘casa de veraneio’, foram três triunfos e um empate. A média de público subiu para 19.665.

Um final feliz em 2015 também seria um alento a despedidas anteriores do Barradão. Nas 10 temporadas mais recentes, os últimos jogos lá não foram de boas lembranças para o torcedor. Com exceção de 2013 e 2006, o Vitória não venceu nenhuma outra. Em 2014, 2010 e 2005, amargou rebaixamentos na sua casa. Em 2011, não conseguiu o acesso para a Série A por causa de uma derrota, de virada, para o São Caetano, por 2 a 1.

Escudero confirmado

Para tirar a tensão de um jogo decisivo, Mancini fez um treino recreativo nesta sexta-feira (13), com destaque para o meia Escudero, que participou das atividades do elenco pelo segundo dia seguido e está confirmado. O técnico também dará novamente a Elton a camisa 9.

No banco, a novidade é o retorno de Luiz Gustavo, que, devido à lesão, não atua desde maio. Já o centroavante Robert será submetido a uma cirurgia e não joga mais neste ano, após ter rompido o tendão patelar num treinamento.

Vitória x Ceará – 36ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
Local: Estádio do Barradão, em Salvador (BA)
Quando: sábado, 14, às 16h30
Árbitro: Anderson Daronco
Assistentes: José Javel Silveira e Elio Andrade Junior (trio do Rio Grande do Sul)
Vitória – Gatito Fernández, Diogo Mateus, Ramon, Kanu e Diego Renan; Amaral, Flávio, Escudero e Pedro Ken; Elton e Vander. Técnico: Vagner Mancini.
Ceará – Éverson, Tiago Cametá, Charles, Sandro e Victor Luis; João Marcos, Baraka, Ricardinho e Wescley; Alex Amado e Rafael Costa. Técnico: Lisca.

Com informações do site do jornal A Tarde.

Foto de capa extraída do blog Espinhado Fotos.