CPI da Pandemia ouve Wilson Witzel, ex-governador do Rio, nesta quarta

Foto: Carlos Magno/Gov. do Estado do Rio de Janeiro
Foto: Carlos Magno/Gov. do Estado do Rio de Janeiro

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

A CPI da Pandemia ouve, nesta quarta-feira (16), Wilson Witzel, ex-governador do Rio de Janeiro. Os requerimentos de convocação são dos senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da comissão, Alessandro Vieira (Cidadania-SE).

Segundo Randolfe, o motivo para a convocação é a série de denúncias de que Witzel se beneficiou de um esquema de corrupção no início da pandemia. Em setembro de 2020, o ex-governador sofreu impeachment em processo na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Wilson Witzel entrou com um pedido de habeas corpus junto ao STF para ter o direito de decidir sobre seu comparecimento à CPI. O ministro Kássio Nunes Marques decidu na véspera do depoimento que deixou Witzel livre para comparecer ou para responder as perguntas feitas.