Servidores da Uesb fazem “enterro da educação”

Técnicos e Analistas protestam na Uesb. Fotos: Wellington Nery
Técnicos e Analistas protestam na Uesb. Fotos: Wellington Nery

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Técnicos e Analistas protestam na Uesb. Fotos: Wellington Nery
Técnicos e Analistas protestam na Uesb. Fotos: Wellington Nery

Servidores da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), campus de Jequié, fizeram um protesto na tarde desta terça-feira (4). Técnicos e analistas da universidade realizaram um enterro simbólico das universidades públicas do estado.

De acordo com informações do Blog Marcos Frahm, os manifestantes alegam “falta de atenção do Governo, que segundo eles, têm dialogado apenas com os professores e cobram soluções efetivas para os problemas apontados”.

Ainda de acordo com o blog, os manifestantes cobram “reposição das perdas salariais que se acumulam nos últimos oito anos, equilíbrio nas autorizações de aumento salarial, abertura imediata de concurso público para a Uesb, além de debate qualificado da Lei 7.176/97 junto a todas as categorias das Instituições de Ensino Superior da Bahia antes do envio para a Assembleia Legislativa”.

Uesb, Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) e Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) estão em estado de greve por mais de 80 dias.