Justiça cancela gratuidade nos ônibus para policiais

Foto: Reprodução / G1
Foto: Reprodução / G1

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

A partir de terça-feira (21), a gratuidade nos ônibus para policiais civis e militares em Salvador está cortada por decisão do Tribunal de Justiça da Bahia. O benefício, porém, é válido para dois policiais militares (fardados) e dois policiais civis devidamente identificados por veículo. Ao todo, 8.457 policiais militares e 1.919 policiais civis possuem cartões de gratuidade no sistema de transporte coletivo de ônibus de Salvador.

De acordo com o Bahia Notícias, o cancelamento da gratuidade para policiais é o desfecho de uma negociação iniciada em 2013, quando o Setps informou o governo do estado sobre a necessidade de custeio do transporte das duas categorias. Na época, o benefício respondia por aproximadamente um milhão de viagens mensais e o Estado se comprometeu em fazer o reembolso, mas nunca cumpriu o acordo.